Óleos vegetais para o cabelo: como usar e benefícios

Óleos vegetais para o cabelo: como usar e benefícios

Sabemos que os cabelos, para nós mulheres, afetam diretamente a nossa autoestima. Se o cabelo não está nos melhores dias, parece que nada dá certo.

Se você está querendo potencializar ainda mais os cuidados com as madeixas para deixá-las radiantes, fortes, hidratadas e saudáveis, vem comigo ver como usar óleos vegetais para o cabelo e quais são os seus benefícios.

A prática de usar óleos vegetais para o cabelo é bem comum.

É tão comum que inclusive você encontra uma série de receitas na internet adicionando esses óleos as máscaras de hidratação.

Mas você sabia que cada um desses óleos vegetais apresenta características diferentes e, consequentemente, benefícios diversos para os nossos fios?

Por conta disso, é importante saber as propriedades de cada um dos principais óleos vegetais para o cabelo para que você possa escolher aquele que melhor atende as necessidades dos seus fios.

Comumente, os óleos vegetais não são utilizados por pessoas com cabelos lisos.

Isso porque, cabelos lisos tendem a ficar mais oleosos com o uso destes produtos.

Todavia, o uso não é proibido.

Nesse caso o óleo não deve ser aplicado na raiz e deve ser adicionado a máscara.

Assim sendo, ele acaba sendo totalmente removido durante a lavagem.

Veja também:

Relaxamento capilar: o que é e faz mal?

Dicas para fazer o cabelo crescer: 4 muito úteis

Os principais óleos vegetais para o cabelo

Óleo de coco

O óleo de coco é um dos mais queridinhos para aplicação nos cabelos.

Ele, há muito tempo, deixou as nossas cozinhas e tem sido utilizado para o tratamento, tanto da pele, quanto das madeixas e seus benefícios são interessantes.

Quanto ao uso no cabelo, o óleo de coco promove um aumento significativo dos ácidos graxos e igualmente da vitamina K.

Além disso, é um óleo indicado para quem está sofrendo com pontas duplas, podendo atenuá-las.

O produto tem a capacidade de penetrar profundamente na cutícula do cabelo, de modo a favorecer o seu reparo e manutenção.

Também acaba sendo indicado para o tratamento da caspa pela presença de oleosidade excessiva no couro cabeludo.

Óleos vegetais para o cabelo: como usar e benefícios

Óleo de argan não pode faltar nos óleos vegetais para o cabelo

O óleo de argan também é muito utilizado para os fios e o mais interessante é que é tido como um produto econômico, ou seja, em pequenas quantidades conseguimos efeitos agradáveis.

É um produto rico em vitamina A, D e ácidos graxos. Além disso, possui uma elevada capacidade de nutrir o fio, sendo indicado para o tratamento tanto do couro cabeludo em si, quanto da fibra capilar.

Como possui antioxidantes em sua composição, está atrelado ao rejuvenescimento dos fios e por sua proteção dos eventuais danos ocasionados por agentes externos.

Óleo de rícino

O óleo de rícino é um dos mais comuns utilizados para o tratamento dos nossos cabelos.

O óleo de rícino é extraído da mamona.

Sua principal indicação de uso é para os cabelos que estão caindo muito.

É um composto rico em vitamina E e ácidos graxos. Quando utilizado nos fios de cabelo, atua diretamente no folículo piloso, fortalecendo-o, o que consequentemente acaba favorecendo o crescimento do cabelo.

Além de todos esses benefícios, o óleo de rícino hidrata os fios e promove o seu brilho.

Atua ainda combatendo a caspa e o problema com a oleosidade.

Óleos vegetais para o cabelo

Óleo de girassol

Aqui você pode utilizar o óleo de cozinha mesmo, mas se for possível utilize um óleo mais essencial e menos refinado.

Mas se não puder, o óleo de cozinha cai bem e apresenta bons efeitos.

Está atrelado ao uso do óleo de girassol a diminuição do frizz.

Além disso, ele pode contribuir para controlar o ressecamento e favorecer o crescimento dos fios.

Gostou de conhecer esses óleos vegetais para o cabelo?

Então não deixe de acompanhar os demais artigos do blog, tenho muitas outras novidades para você!

Óleos vegetais para o cabelo: como usar e benefícios

Sending
Avaliação
0 (0 Votos)